NOTA DE REPÚDIO À PREFEITURA DE ARIQUEMES

0

O Sindicato dos Urbanitários de Rondônia – SINDUR vem a público repudiar o ato da prefeitura de Ariquemes e da empresa AEGEA, que tomaram posse da CAERD em uma ação desrespeitosa e humilhante para os trabalhadores (as), onde foram retirados às pressas no meio do expediente, suspendendo os atendimentos, mostrando total falta de respeito que a Prefeitura e a AEGEA tem com a população de Ariquemes.

Sem necessidade alguma, as portas da empresa foram arrombadas, retiraram caixas com documentos, relatórios, HDs e CPUs, sem que os trabalhadores da CAERD pudessem ter o direito de organizar e finalizar seus trabalhos.

Vale salientar que há uma incoerência, pois, a Empresa AEGEA prometeu investir 195 milhões em 30 anos, sendo que o Município de Ariquemes recusou por duas vezes cerca de 160 milhões de recursos do Orçamento Geral da União – OGU, que contradição é esta?

Com esta mudança brusca e repentina a maior prejudicada está sendo a população de Ariquemes, que está sofrendo com falta de abastecimento de água e ainda estão recebendo água bruta, ou seja, água sem tratamento, água suja.

Assim sendo, O SINDUR repudia tal golpe sofrido pela população e pelos trabalhadores da CAERD que se doaram ao longo de mais de 30 anos de serviços prestados para a Companhia e por meio desta nota reafirmamos o nosso compromisso e respeito não só com os trabalhadores mais principalmente com toda a população de Ariquemes.

O SINDUR continua na luta em defesa de uma empresa pública e de qualidade e já está tomando todas as providências cabíveis.

 

 

SINDUR – SINDICATO É PRA LUTAR!

Deixe uma resposta